Cores no Design Gráfico – 10 Cores e suas características

A escolha das cores são tão importantes quanto os outros elementos que compõem uma peça gráfica.

Todo designer deve se preocupar com a tipografia, diagramação, etc, na hora de criar. Mas um fator de extrema importância e que todo designer deve estar atento é em relação as cores.

As cores nos acompanham desde nosso nascimento, tudo ao nosso redor influência o efeito que as cores tem sobre nós, por isso é muito importante que durante o processo criativo, leve-se em consideração qual é o intuito daquela peça, o que ela quer provocar no receptor da mensagem e como a escolha da cor ideal pode ajudar na conquista desse objetivo.

Por exemplo, a cor amarela é considerada a mais alegre do mundo, já a azul é uma das preferidas da maior parte das pessoas, enquanto a cor marrom é a mais rejeitada. Se temos isso em mente na hora de criar e aplicarmos a cor certa, o objetivo será alcançado com mais facilidade.
Na visão psicológica todas as cores possuem grandes influências na mente humana, elas podem estimular sensações e emoções e talvez este seja o principal motivo pelo qual elas fazem toda a diferença numa peça gráfica.

Neste artigo vamos citar características que remetem as 10 cores a seguir e que vão te ajudar a escolher a ideal para sua peça gráfica:

1- Vermelho: Paixão, sangue, perigo, guerra, ação, energia.

2- Cinza: Máquinas, estabilidade, sabedoria, serenidade, tédio.

3- Rosa: Delicadeza, feminilidade, calma, afeto, suavidade.

4- Laranja: Apetite, euforia, por do sol, entusiasmo, alegria.

5- Azul: Céu, mar, credibilidade, seriedade, tranquilidade.

6- Marrom: Terra, conservadorismo, melancolia, desconforto.

7- Verde: Natureza, bem estar, vida, esperança, liberdade.

8- Amarelo: Ouro, riqueza, sol, verão, luz, calor, energia.

9- Lilás: Igreja, mistério, religião, grandeza, experiência.

10- Preto: Noite, medo, morte, nobreza, seriedade.

O profissional de designer gráfico tem o poder de utilizar as cores para estabelecer, diferenciar e gerenciar aspectos para uma melhor decisão do leitor/consumidor, por tanto, devem estar atentos às mudanças e tendências desta área.

Espero que essas dicas tenham ajudado, aguardo você no próximo artigo!
Você pode deixar suas dúvidas e sugestões nos comentários, até mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *